Retirada de Corpos Estranhos
Corpos estranhos são objetos que foram introduzidos no nosso organismo. Podem ser objetos ou pequenos animais que entram ou foram introduzidos pelo nariz, ouvido ou garganta.

São queixas relativamente comuns e para retirá-los é necessário conhecimento técnico e habilidade.

Acometendo mais pacientes de 2 a 8 anos de idade, os objetos mais perigosos são as pilhas e baterias que podem liberar substâncias químicas que corroem as mucosas do nariz ou estruturas do ouvido.

É relativamente comum a introdução de papel, pequenos objetos plásticos, espuma ou grãos de milho ou feijão. Os ouvidos e o nariz são os locais preferidos das crianças. A

retirada de corpos estranhos

pode ser feita com pinças específicas ou lavagem de ouvidos.

Espinhas de Peixe

As espinhas de peixe são comuns, mas acabam se depositando na faringe ou amígdalas palatinas. A remoção nem sempre é fácil de se ver e pode ser necessário o uso de Nasofibrolaringoscopia para localizar. Retira-se a espinha com uma pinça do tipo jacaré.

Pequenos Insetos

Os pequenos insetos podem entrar pelo conduto auditivo e ali ficar, causando intenso incômodo no paciente. Para estes casos é necessário a imobilização do inseto pingando óleo ou vaselina no ouvido. Após matar o animal, procede-se a retirada dele.

Na Clínica, localizada na Avenida Angélica, bairro de Higienópolis, os otorrinos SP possuem experiência de Pronto Socorro no Hospital das Clínicas, tornando-os aptos a remoção de todo tipo de corpo estranho.

Agende sua consulta para a

retirada de corpos estranhos em São Paulo

. A Imong está à disposição através da central de relacionamento.
/Galeria de Imagens
  • Clínica Imong
  • Clínica Imong
  • Clínica Imong
  • Clínica Imong
  • Clínica Imong