Otoplastia

Otoplastia

, conhecida popularmente como cirurgia da orelha de abano, é um procedimento realizado atrás da orelha, no sulco formado entre ela e o crânio.

O bullying é um termo usado para definir violência física ou psicológica repetidamente, que causam sequelas psicológicas no agredido. O termo é novo mas a prática do bullying é muito antiga. Quem possui alguma anormalidade física pode sofrer com o preconceito e com comentários jocosos. As crianças com orelha de abano são prováveis vítimas desta agressão.

A correção da orelha de abano normalmente é cirúrgica, sendo chamada de Otoplastia. A

cirurgia da orelha de abano São Paulo

é realizada pelos otorrinos da Imong para tratar deformidades, tamanho e angulação, seja por nascença ou que sofreram deformidades após um traumatismo. A alteração mais comum é a mal formação na “dobra” da orelha, a anti-hélice. A confecção da anti-hélice é simples e dá poucas complicações.



O paciente incomodado com a orelha de abano é submetido a uma avaliação criteriosa na Clínica Imong, sendo conduzida pelos nossos especialistas. Atenta-se nestes casos também as explicações dos benefícios, riscos e cuidados pós-operatórios.

Qual a idade mínima para a cirurgia de Otoplastia?

Otoplastia

A idade mínima é a partir dos três anos de idade, mas deve ser discutido com os pais caso a caso.

Como é a cirurgia de Otoplastia?

Na noite anterior, lave os cabelos e evite alimentação gordurosa. No dia da cirurgia realizada em ambiente hospitalar, permaneça em jejum de pelo menos 8 horas, inclusive de água. Avise caso esteja com febre. A duração da cirurgia da orelha de abano é de aproximadamente duas horas.



A Otoplastia consiste em uma incisão atrás da orelha e a realização de pontos para a confecção da curvatura correta. Em casos específicos, pode ser feita a retirada de cartilagem para diminuição da orelha. Em seguida, pontos de fixação, internos e absorvíveis, são feitos para manter a nova anatomia da orelha.

Após a Cirurgia, o paciente é encaminhado à sala de recuperação anestésica. Sairá com um curativo do tipo capacete na cabeça que será retirado na Imong, no primeiro retorno, de 7 a 10 dias. Após a retirada do curativo, o paciente terá que ficar com uma faixa por aproximadamente 30 dias.

Existem complicações na Otoplastia?

As possíveis complicações são infecção local, saída dos pontos e cicatriz hipertrófica ou queloide. Todas elas são condições raras e passíveis de correção até mesmo na consulta na Clínica Imong.

O paciente deve evitar coçar a orelha operada, pois devido ao inchaço da região, um arranhão pode fazer a pele sangrar ou levar bactérias, provocando infecção.

Os resultados são muito satisfatórios da Otoplastia e elevam a auto-estima dos pacientes operados pelos otorrinos da Imong. O resultado é uma orelha mais harmônica, com formato e angulação desejadas pelo paciente. O inchaço local reduz significativamente em duas semanas após a Otoplastia, já mostrando os resultados do procedimento.

Agende uma consulta particular ou por convênio com os especialistas da Clínica Imong para analisarem as suas queixas.
/Galeria de Imagens
  • Clínica Imong
  • Clínica Imong
  • Clínica Imong
  • Clínica Imong