Saiba as possíveis causas para a garganta inflamada

Nos últimos tempos, saúde tem sido um tema altamente discutido, justamente por causa da pandemia da Covid-19. Desta forma, desde março do ano passado, pessoas têm prestado mais atenção à saúde e se preocupado mais com pequenos sintomas que podem indicar infecção pelo novo coronavírus. Um desses sintomas, por exemplo, pode ser a dor de garganta. Será que devo me preocupar se estou com a garganta inflamada? Quais podem ser as causas dos problemas na garganta? O que é bom para garganta inflamada? A Imong vai te ajudar com essas dúvidas!

Dor de garganta pode ser Covid-19?

Infelizmente, o coronavírus ainda é um tema que está presente em nossas conversas, e principalmente em nossas vidas. Com o avanço da vacinação no Brasil e no mundo, a perspectiva é que cada vez menos pessoas sejam afetadas pela Covid-19. No entanto, quando uma pessoa contrai o vírus da Covid, os sintomas mais comuns são:

  • Febre;
  • Tosse seca;
  • Cansaço.

Porém, sabemos que o vírus pode afetar pessoas de formas diferentes, independente da idade ou qualquer outro fator. O que é mais comum é que pessoas mais velhas e com comorbidades, como doenças preexistentes, sejam mais afetadas. Nestes casos, ou até mesmo em casos mais gerais, em que o vírus não foi assintomático, alguns sintomas presentes podem ser: 

  • Dores e desconfortos;
  • Dor de garganta;
  • Diarreia;
  • Conjuntivite;
  • Dor de cabeça;
  • Perda de paladar ou olfato;
  • Erupção cutânea na pele ou descoloração dos dedos das mãos ou dos pés.

Sintomas de extrema gravidade, que devem ter a devida atenção e ter o acompanhamento e auxílio médico, são:

  • Dificuldade de respiração;
  • Falta de ar;
  • Dor ou pressão no peito;
  • Perda de fala ou movimento.

Quando uma pessoa tem contato com o vírus da Covid-19, normalmente, os sintomas começam a aparecer em média de 5 a 6 dias após o contato e infecção. No entanto, como recomendado, mesmo que sintomas não tenham sido apresentados, as autoridades de saúde recomendam isolamento e quarentena de no mínimo 14 dias. 

Um grande perigo da Covid é justamente sua similaridade a uma gripe ou resfriado na questão dos sintomas. Porém, mesmo que ao final os sintomas sejam mesmo um simples resfriado, principalmente devido à época e estação do ano, é de extrema necessidade e prudência que tenhamos cuidado e atenção.

Dor de garganta, garganta inflamada ou quaisquer outros problemas na garganta são possíveis sintomas de coronavírus, principalmente da nova variante Delta, que provocou uma segunda onda de contaminações brutal na Índia e países europeus, como Inglaterra.

 Como sei que estou com a garganta infeccionada?

Para a doutora Danielle Yuka Kobayashi, Médica do Sono, Otorrino e Cirurgiã crânio-maxilo-facial, “a inflamação pode se apresentar inicialmente como irritação leve, prurido local, pigarro, podendo evoluir para dor, dificuldade de deglutição, engasgos, rouquidão e até mesmo quadros graves de abscessos (no caso de infecção bacteriana)”.

Além disso, a médica orienta que em caso de inflamações persistentes e recorrentes, deve-se recorrer a um médico otorrinolaringologista, pois muitas vezes esses sintomas podem estar associados a fatores de risco para câncer.

4 causas que podem ocasionar inflamação na garganta

Segundo a doutora Danielle, inflamações na garganta podem ser causadas por diversos motivos, entre eles:

Refluxo Faringolaríngeo

Também conhecido apenas como refluxo, o refluxo faringolaríngeo acontece quando o conteúdo do estômago reflui até a garganta, causando diversos sintomas, entre eles pigarro (frequente movimento de limpeza da garganta) e principalmente queimação na garganta, como azia.

Tabagismo

Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), doenças relacionadas ao fumo matam mais de 5 milhões de pessoas no mundo. Não é segredo que o tabagismo é muito prejudicial à saúde, mas infelizmente ainda temos o costume de pensar nesses problemas apenas quando coisas mais graves acontecem. O tabagismo pode começar a afetar um usuário desde muito cedo, principalmente na área da garganta - rouquidão é um sintoma que deve ser assistido corretamente, ele pode ser o início de um câncer na estrutura da laringe, situada na garganta.

Exposição a produtos voláteis tóxicos

Segundo artigo publicado na Revista CEFAC (Speech, Language, Hearing Sciences and Education Journal), sobre sinais e sintomas vocais e de fala em indivíduos expostos a agentes químicos, em uma análise de prontuários, a exposição a produtos químicos pode afetar a laringe, a área da garganta e o funcionamento das cordas vocais, afetando a fala. Embalagens ou produtos feitos de um material muito presente em nossas vidas, como o alumínio, podem estar afetando nosso sistema respiratório.

Infecções

As infecções são as causas mais comuns de uma inflamação na garganta. Elas podem ser bacterianas, virais ou fúngicas. Nesses casos, conforme a situação da inflamação, o mais adequado é a visita a um médico para que este oriente a melhor forma de tratamento.

Dicas para evitar e amenizar inflamação na garganta

Para a médica, é necessário primeiro que haja a inserção de hábitos cotidianos, como  bons hábitos de hidratação, alimentação saudável, horas de sono regulares e adequadas. Essas dicas não são apenas positivas para combater a dor na garganta ou até mesmo garganta seca, mas também para hábitos de uma vida mais saudável.

Além disso, complementa que doenças de base, como rinite, respiração predominantemente oral ou refluxo gástrico, devem ser tratadas com médicos profissionais. Hábitos como evitar tabagismo e etilismo em excesso também são muito importantes para preservar a saúde de sua garganta.

Mas você sabe o que é bom para garganta inflamada? Se você está enfrentando uma garganta inflamada ou infeccionada neste momento, pode apostar em opções mais naturais ou remédios vendidos em farmácias. A primeira opção normalmente está rodeada de receitas como chás, vitaminas e gargarejos. Receitas comuns, como gargarejo com água morna e sal, chás com limão, gengibre e mel, são positivas pelas propriedades anti-inflamatórias que possuem. Já a segunda opção é uma aposta em anti-inflamatórios, antibióticos ou analgésicos, que devem sempre ser consumidos com receita médica.

Conheça a Imong

A Imong é uma empresa focada na área de medicina e saúde, sendo uma clínica médica especializada em Otorrinolaringologia e Fonologia, cuidando, também, de problemas na garganta, como garganta seca e queimação na garganta. Trabalhamos para que nossos pacientes tenham conteúdos informativos de qualidade sobre a área da saúde e cuidem cada vez mais de suas vidas com segurança e conforto! Esperamos que este conteúdo sobre como identificar, evitar e cuidar de uma garganta inflamada tenha ajudado você, continue acompanhando nossos conteúdos!

/Galeria de Imagens
  • Clínica Imong
  • Clínica Imong
  • Clínica Imong
  • Clínica Imong